1
jun
2015

Cinto de segurança para passageiros: Por que usar?

Desde quando surgiu no mercado mundial, o cinto de segurança para passageiros do banco traseiro é um assunto polêmico e repleto de controversas, seja nas pistas brasileiras ou de qualquer outro país com trânsito desenvolvido.

Conforme as principais estatísticas, grande parte das pessoas não usa cinto de segurança para passageiros no banco traseiro, seja em transporte público (ônibus, metrô, lotação etc.), veículos particulares ou de aluguel (táxi, por exemplo).

cinto_de_segurança_para_passageiros

Cinto de segurança para passageiros: qual importância?

Conforme informações colhidas no site do DETRAN (Departamento Estadual de Transito), cinto de segurança reduz o risco de lesões em até 80% nos casos de acidentes. Ou seja, em termos científicos, não há como evitar as chances de se machucar após colisões sem usar este acessório.

O cinto de segurança para passageiros também evita as chances de lesões quando não há colisões, como, por exemplo, no momento que o motorista precisa frear de modo brusco por causa de imprevistos na pista.

Ao considerar as colisões, o cinto de segurança ajuda para que o corpo dos passageiros não seja lançado aos bancos da frente, evitando assim as lesões graves ou até mesmo a morte de quem está dentro do carro. Vale ressaltar que o cinto também auxilia às pessoas não serem jogadas para fora dos veículos – um grande risco em qualquer tipo de trânsito (urbano ou rural).

Cinto de segurança para passageiros também ajuda às pessoas não se chocarem com partes internas de veículos. Atenção, qualquer pequena colisão deste tipo aumenta os danos conforme a velocidade dos carros – assim dizem as normas de segurança do Detran RS.

Médicos indicam que as principais lesões graves, originadas por choque de passageiros nas partes do interior automotivo, resultam em tetraplegia e paraplegia graças aos danos no pescoço e na coluna.

Por fim e não menos importante vale destacar que o cinto de segurança para passageiros aumenta as chances de vítimas de acidentes ficarem conscientes. Desta forma é possível reagir com maior rapidez após a colisão no trânsito.

Abaixo conheça uma lista com as maiores importâncias do cinto de segurança para passageiros:

  • Previne o lançamento de passageiros para os bancos da frente do veículo;
  • Evita que o corpo seja lançado para fora do carro;
  • Diminui os riscos das pessoas se chocarem com partes do interior automotivo;
  • Aumenta as chances de a mente ficar consciente e do corpo reagir após a colisão veicular.

Cinto de segurança para passageiros em baixa no Brasil

Embora o cinto de segurança para passageiros tenha importância fundamental à vida das pessoas, uma boa parte dos seres-humanos não usa este importante acessório automotivo.

Ao considerar o trânsito europeu, apenas 1/3 das pessoas que viajam de carro por longas distâncias utiliza cinto de segurança para passageiros do banco traseiro, de acordo com estatísticas oficiais da Ford.

O Brasil, como outro país de trânsito desenvolvido, também não escapa à regra. No trânsito brasileiro, apenas 37% dos passageiros usam tal acessório de segurança, assim dizem dados contabilizados via IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O DETRAN RS indica que menos de 31% dos gaúchos têm costume de utilizar cinto de segurança para passageiros nas estradas do Estado.

Cinto de segurança para passageiros: multas

Há tempos existe uma rotina nas estradas brasileiras: O motorista viaja tranquilo com seus passageiros, quando, de repente, recebe solicitação da Polícia Rodoviária para parar o carro. Surge um agente com imensa vontade de encontrar algo errado para multar e encher o bolso do Estado. O condutor fica tranquilo, afinal, fez a revisão automotiva completa antes de viajar. Porém, eis que todos no veículo se esqueceram de um detalhe: as pessoas no banco traseiro não se encontram com cinto de segurança para passageiros.

O CTB (Código de Trânsito Brasileiro) descreve no artigo 167 a multa por não usar cinto de segurança aplicada aos motoristas e passageiros. Este tipo de infração de trânsito está entre as campeãs de incidência no Brasil, na 6° posição. Ao Rio Grande do Sul o número registrado em 2014 foi o maior da história estadual!

Existem fatores que explicam porque as pessoas não têm costume de usar cinto de segurança para passageiros. Eduardo Biavati, sociólogo especialista em trânsito, indica que a ignorância do público quanto ao tema é maior do que se imagina!

Para o especialista há brasileiros que sequer  imaginam existir este tipo de multa, quanto mais sobre os riscos à vida de passageiros sem cinto de segurança no banco traseiro.

Cinto de segurança para passageiros: questão de segurança

Não deixe de utilizar cinto de segurança para passageiros. Este é um acessório que aumenta a defesa de toda família dentro do carro contra acidentes de trânsito. Caso não exista um cinto seguro no seu automóvel é necessário comprar novas unidades urgentemente.

Adquira cinto de segurança para passageiros na Tuning Parts em diversas vezes sem juros (clique aqui). Também conheça nossos espaços no Facebook e Youtube.


POSTADO EM Curiosidades

COMENTAR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *